Com uma assinatura digital você pode substituir o papel, a caneta e o carimbo. Veja como ter um certificado digital para digitalizar todo o seu processo de atendimento. É rápido e simples de fazer. 

A transformação digital está mudando a forma com que fazemos diversas coisas. Um médico que já está há bem mais tempo na profissão dificilmente poderia imaginar que fosse possível assinar uma receita sem seu carimbo, não é mesmo? Mas isso já é possível, uma vez que a receita digital vem sendo cada vez mais utilizada. 

Cada vez mais as pessoas têm entendido para que serve o certificado digital e isso o torna mais popular e aceito. Para se ter uma ideia desse crescimento, só em outubro de 2021, o número de emissões de certificados digitais com a Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil) já atingiu 101,76% do resultado de todo o ano de 2020. Com isso, já são mais de 10 milhões de certificados ativos no Brasil.

Se você ainda não sabe como ter um certificado digital, como ter assinatura digital, vamos te ensinar em um passo a passo como obter o Certificado Digital para médicos. Mas, antes disso, é importante entender algumas definições. 

O que é certificado digital?

O certificado digital é a sua assinatura eletrônica, é um documento que atesta que é você quem está assinando, só que digitalmente. Ela substitui a sua assinatura feita de próprio punho, no papel. Dessa forma, funciona como um atestado da sua identidade. Além disso, em atividades realizadas online, ela garante a segurança e a validade jurídica

Ah, então posso assinar em um papel, tirar uma foto e usá-la digitalmente? Não. O certificado funciona como um documento. Um pouco mais abaixo vamos te explicar como ter um certificado digital. 

Leia também: Pesquisa com médicos da Memed revela preferência por plataformas de prescrição inteligente

Para que serve certificado digital?

O certificado digital serve como uma alternativa à assinatura feita no papel. Dessa forma, ele serve para você assinar documentos digitais, como as receitas médicas digitais e prontuários eletrônicos, por exemplo.

Com isso, ele faz com que todo o processo de atendimento possa ser digital. Hoje em dia com o avanço da telemedicina, por exemplo, é possível realizar as consultas online. Como o paciente não precisa mais necessariamente ir até o consultório, ter um certificado digital garante que ele pode receber uma receita digital que tenha validade para que possa comprar um medicamento. 

Com tanta facilidade, você deve estar se perguntando, mas como ter assinatura digital, então? 

Como ter um certificado digital: 3 passos

1) Escolha uma certificadora

Para que um médico consiga assinar suas prescrições digitais, é preciso contratar um certificado digital de pessoa física, ou e-CPF. Para isso, basta escolher uma autoridade certificadora. Hoje em dia existem várias opções no mercado, confira algumas a seguir:

  • Certisign
  • Safeweb
  • Certificadora Sincor Rio Rfb 
  • Digitalsign
  • Certificado Digital Spc
  • Soluti
  • Valid 
  • Autoridade Certificadora Da Justiça
  • Certificado Digital Acp
  • Certificadora Cacb
  • Fenacor
  • Link Certificação
  • Online Certificadora
  • Sepro
  • Certificado Digital – Imprensa Oficial
  • Serasa

Esse é o primeiro passo para aprender como fazer assinatura digital em receita médica.

2) Contrate um tipo de certificado digital

Depois de escolher a autoridade certificadora é hora de fazer o cadastro no site e escolher o tipo de certificado. 

Existem hoje dois tipos de certificado digital:

Certificado A1: esse certificado é instalado no computador na forma de arquivo. Sua configuração é bem simples. Seu custo-benefício costuma ser muito bom. 

Certificado A3: esse certificado digital é armazenado em um dispositivo, como um cartão com chip ou token, bem parecido com o pendrive. Esse modelo é um pouco mais complexo de ser configurado e, além disso, também pode ser incompatível com alguns sistemas. 

No entanto, no caso de certificado digital para médicos, é preciso escolher o modelo A3, pois é esse o modelo compatível com a carteirinha do Conselho Federal de Medicina (CFM). Dessa forma, é possível utilizar o chip da carteirinha para armazená-lo. 

Depois que finalizar seu cadastro no site da empresa, basta agendar um horário para atendimento e retirada do certificado.

3) Compareça à empresa para retirar o certificado

Para obter seu certificado digital é necessário validar seus documentos. Por isso, você precisa ir até o local indicado pela empresa emissora no dia e horário marcados com seus documentos e a cédula de identidade médica. 

Depois que seus documentos estiverem validados você receberá seu certificado na carteirinha do CFM. 

Como usar o Certificado Digital para médicos?

Agora que você aprendeu como ter um certificado digital, deve estar se perguntando: Mas, como fazer assinatura digital na receita médica? 

É simples. Você pode contar com a tecnologia da Memed que é uma plataforma de prescrição médica digital gratuita e oferece mais 85 mil itens cadastrados para te auxiliar a fazer suas receitas médicas digitais.

A Memed oferece receita digital e traz recursos extras para apoio, como uma base de dados de medicamentos e exames, que aliada às ferramentas de apoio à decisão clínica, auxilia os médicos a tomarem suas decisões. 

É possível saber quando um medicamento interage com outro, por exemplo, ou até quando o paciente tem alergia a algum princípio ativo do medicamento receitado – tudo em tempo real. 

Para garantir um fluxo digital e começar a usar a sua assinatura digital, confira no vídeo abaixo como configurar seu certificado nas receitas da Memed: 

Agora que você já viu o que é certificado digital, para que serve e como ter assinatura digital, quer começar a usar? Cadastre-se gratuitamente na Memed.