O primeiro exame de gravidez é o exame que vai diagnosticar que a mulher está realmente grávida. Ele pode tanto ser o de sangue, como de urina. Depois que estiver confirmada, então deve ser iniciado o acompanhamento com um médico obstetra para avaliar a saúde da mulher como um todo e do bebê. Essa é a chamada fase pré-natal

 

É imprescindível que a mulher procure um obstetra de confiança para prescrever os primeiros exames de gravidez como todos os outros que forem necessários durante a gestação. Isso porque caso haja algum risco, pode ser necessário fazer exames mais específicos e um acompanhamento mais próximo.

 

Entre as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) de um atendimento de pré-natal para uma experiência gestacional positiva está a importância do exame de ultrassonografia entre os primeiros exames de gravidez. Um dos benefícios é a precisão da avaliação da idade gestacional, dado que auxilia na condução da gestação e do nascimento.

 

Uma dúvida que é bem comum de surgir é sobre o que é feito na primeira consulta de gravidez. Será que é preciso levar algum exame feito previamente? O que vão me perguntar? Afinal…

O que é feito na primeira consulta de gravidez?

A primeira consulta de gravidez é feita entre a 6ª e a 9ª semana e é nesse momento que é realizada a datação da gravidez. Ou seja, o primeiro passo é descobrir a idade gestacional, tomando como base a data da última menstruação e também o ultrassom, o qual é um dos primeiros exames de gravidez.

 

Além disso, é na primeira consulta de gravidez que o médico obstetra que irá acompanhar sua gestação vai perguntar tudo sobre a sua saúde e se a sua rotina de exames ginecológicos está adequada. 

 

Essa consulta é importante para identificar algum fator de risco, alguma doença e também para avaliar seu histórico e o da sua família, a fim de verificar qualquer possibilidade de desenvolvimento de doença durante a gravidez. 

 

O médico também vai fazer um exame físico completo nessa consulta que inclui: 

  • Exame ginecológico;
  • Exame de mamas;
  • Aferição de pressão.

 

Esse também é o momento para orientação. É hora de sanar qualquer dúvida que a gestante tenha com relação a medicamentos que pode tomar, o que pode ou não fazer e qualquer outra questão.  

 

Dessa maneira, depois de conhecer bem a gestante, é hora de solicitar os primeiros exames de gravidez. Nesse momento, você deve estar se perguntando, mas afinal, quais os primeiros exames de gravidez? A maior parte dos primeiros exames de grávida é de laboratório e, portanto, são bem simples. Veja abaixo quais são os exames do primeiro trimestre de gravidez.

Quais primeiros exames de gravidez: 7 principais

1. Ultrassonografia

Um dos primeiros exames da gravidez que devem ser feitos é o ultrassom. A partir da 6ª semana já dá para ver o saco gestacional e a presença do embrião. Pode ser possível também ouvir batimentos do coração. 

 

Além disso, é nesse ultrassom que se verifica onde está acontecendo a gestação, se está realmente no útero, a idade gestacional e se há mais de um bebê. Veja na imagem abaixo um exemplo de como é realizado um exame de ultrassom.

2. Hemograma

O hemograma completo é fundamental para avaliar a saúde da mulher gestante. Com ele é possível identificar a partir dos glóbulos vermelhos se ela tem anemia, por exemplo. A redução de ferro no sangue é bem comum durante a gravidez e, por isso, as taxas devem ser acompanhadas de perto.

 

O hemograma também mostra a quantidade de plaquetas existentes no sangue. Ela avalia o funcionamento da coagulação do sangue e identifica como está o sistema imunológico.

3. Glicemia em jejum

A Glicemia em jejum é realizada para avaliar a quantidade de glicose no sangue. É com este exame que detecta-se uma possível diabetes gestacional. Como a diabetes gestacional não possui sintomas, só é possível detectá-la por meio deste exame.  

Leia também: Uso de metformina para tratamento do diabetes na gravidez

4. Sorologias 

Os exames sorológicos também estão na lista dos primeiros exames de gravidez. Alguns deles são: 

    • HIV: serve para detectar se a gestante é portadora de HIV, caso seja é necessário um tratamento orientado para diminuir as chances de passar para o bebê;
    • Sífilis: este exame mostra se a mulher possui sífilis, caso ela tenha e não faça o exame, pode trazer riscos para a saúde do bebê;
    • Toxoplasmose: a toxoplasmose é uma infecção oriunda de um parasita encontrado em fezes de gato e alimentos contaminados, com esse exame é possível identificá-la antes que traga riscos para a gestação;
  • Rubéola: existe vacina para a rubéola que deve ser tomada na infância, porém, caso a mulher não tenha tomado, é importante que ela tome antes de ficar grávida. Fazer este exame no primeiro trimestre gravidez indica se ela já possui imunidade contra essa doença;
  • Citomegalovírus: este é um vírus que faz parte da família do vírus da herpes, por meio do exame é possível avaliar se a mulher o possui e por quanto tempo ele está no organismo;
  • Hepatite B e C: ambas as doenças podem ser passadas para o bebê, trazendo complicações, por isso, o diagnóstico nas primeiras semanas de gravidez é fundamental. 

5.  Tipagem sanguínea e fator Rh. 

O exame de tipagem sanguínea e fator Rh estão entre os primeiros exames de gravidez, pois são extremamente importantes. Com eles é possível identificar o tipo sanguíneo da mãe e do feto. Caso eles possuam fatores diferentes, por exemplo a mãe for fator negativo e o bebê positivo, pode ser que haja complicação durante o parto.  

6. Urocultura 

O exame de urocultura serve para identificar se a gestante possui infecção urinária. Caso haja, ela deve ser tratada para não haver complicação na gravidez e no parto.  

Leia também: Como comprar remédio com receita digital? Entenda como funciona e confira um passo a passo

7. Exame parasitológico de fezes

Este exame deve ser realizado caso haja uma indicação clínica. Ele indica que a grávida possui alguma verminose que poderá ocasionar em outros problemas, como a anemia, por exemplo. Se for diagnosticada, o tratamento deve ser feito com o acompanhamento do médico porque determinados medicamentos podem interferir na gravidez. 

Agora que você já sabe quais os primeiros exames de gravidez e o que é feito na primeira consulta, continue acompanhando o blog da Memed e fique por dentro de tudo do mundo saúde.